O Abuso de Substâncias e Terapia de Estados de Ego – Gastão Ribeiro

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Um dos grandes desafios atuais em psicoterapia e o trabalho terapêutico com grandes drogados. As estratégias atuais tem se mostrado pouco efetivas para trabalhar este paciente. Os grandes drogados, normalmente tem histórico de múltiplos traumas, anos de psicoterapia com pouco progresso, que colheu muitos diagnósticos diferentes ao longo dos anos, com história de muitas internações psiquiátricas com diagnósticos diferentes. É um cliente difícil e pouco reativo a terapias tradicionais.

A Terapia de Estados de Ego tem se mostrado uma nova luz com estes pacientes. Ao entender que o grande drogado tem um quadro de DDI, trabalhamos a integração deste ser, através dos protocolos estados de ego, trabalhamos estas partes internas responsáveis pelo uso e pela recidiva e posteriormente trabalhos os traumas.

As novas abordagens de Neuroterapia associada a Terapia de Trauma e aos Estados de Ego, tem se mostrado eficaz no trabalho com grandes drogados. Estas novas ferramentas utilizam a hipnose e protocolos de PRI, viabilizando trabalhar terapeuticamente os grandes dissociados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *